Carta de Princípios: «O Presidente da República ocupa uma posição institucional, nacional e suprapartidária»

«(…) Sem nunca se substituir aos partidos ou aos restantes órgãos de soberania, o Presidente da República ajuda a vitalizar e a aprofundar a democracia, como voz independente que ouve e dialoga com todas as pessoas, com as suas associações e com as instituições que as representam. Decidi candidatar-me com a absoluta determinação e liberdade … More Carta de Princípios: «O Presidente da República ocupa uma posição institucional, nacional e suprapartidária»

Carta de Princípios: «As portuguesas e os portugueses devem saber que defenderei o Estado Social»

«(…) As portuguesas e os portugueses devem saber que defenderei o Estado Social, um elemento essencial para que todos tenham as condições básicas para uma vida digna, com sobriedade. Ao Estado cabem responsabilidades primárias, que não são passíveis de transferência ou de delegação. O Estado Social é uma fonte de previsibilidade e de estabilidade, valores … More Carta de Princípios: «As portuguesas e os portugueses devem saber que defenderei o Estado Social»

Carta de Princípios: «A crise revelou-nos uma sociedade civil com grande capacidade de resistência e de iniciativa»

«(…) A crise revelou-nos uma sociedade civil com grande capacidade de resistência e de iniciativa, nalguns casos com sacrifícios pessoais levados ao extremo, noutros com uma imensa dedicação em instituições sociais, nas igrejas e em movimentos solidários. A esta sociedade civil, feita de pessoas e de instituições generosas, deve o país não ter havido, nos … More Carta de Princípios: «A crise revelou-nos uma sociedade civil com grande capacidade de resistência e de iniciativa»

Carta de Princípios: «Precisamos de valorizar o nosso território, as pessoas e a sua capacidade produtiva, todas as formas de cooperação»

«(…) Precisamos de valorizar o nosso território, as pessoas e a sua capacidade produtiva, todas as formas de cooperação, para assim travar a erosão da economia, do valor do trabalho e da dependência face ao exterior. A valorização do “mar português” e da nossa plataforma continental tem de constituir um dos principais compromissos estratégicos para … More Carta de Princípios: «Precisamos de valorizar o nosso território, as pessoas e a sua capacidade produtiva, todas as formas de cooperação»

«Três dedos de conversa … com o Professor Jorge Ramos do Ó», 29/10, 21h00 (Estoril)

«O que diz a Carta de Princípios de Sampaio da Nóvoa? Um documento estruturador de princípios e ações, potenciadores da cidadania e convergência social e política. Um compromisso com o futuro, com a liberdade democrática e a dignidade humana.» Para saber mais: o evento no Facebook – http://www.facebook.com/events/1492712761057428/

Carta de Princípios: «É preciso dar grandeza à política, evitar as questões menores»

«(…) É preciso dar grandeza à política, evitar as questões menores, as quezílias, as campanhas negras contra as pessoas e contra as instituições. É preciso que a política se faça com as pessoas, pelas pessoas, com sentido de Estado e de serviço público. A política não serve para justificar inevitabilidades, para se conformar com a … More Carta de Princípios: «É preciso dar grandeza à política, evitar as questões menores»

Carta de Princípios: «Não tenho outra força a não ser a que virá destas redes, do vosso ânimo e da vossa energia.»

«(…) A minha campanha eleitoral será realizada com grande contenção de custos e transparência de contas, recorrendo sobretudo às iniciativas que cada um queira dinamizar, nas suas terras, no seu trabalho, em torno de determinadas áreas temáticas. Não tenho outra força a não ser a que virá destas redes, do vosso ânimo e da vossa … More Carta de Princípios: «Não tenho outra força a não ser a que virá destas redes, do vosso ânimo e da vossa energia.»

Carta de Princípios: «O Presidente da República ocupa uma posição institucional, nacional e suprapartidária»

«(…) Sem nunca se substituir aos partidos ou aos restantes órgãos de soberania, o Presidente da República ajuda a vitalizar e a aprofundar a democracia, como voz independente que ouve e dialoga com todas as pessoas, com as suas associações e com as instituições que as representam. Decidi candidatar-me com a absoluta determinação e liberdade … More Carta de Princípios: «O Presidente da República ocupa uma posição institucional, nacional e suprapartidária»

Carta de Princípios: «Serei prudente e rigoroso no uso dos meus poderes»

«(…) Não serei um Presidente passivo. Um Presidente da República eleito por sufrágio universal não é uma figura honorífica, não é apenas uma referência simbólica, não exerce um mandato cerimonial. Exercerei as funções presidenciais, de forma plena, no escrupuloso respeito dos limites constitucionais. , como compete ao Presidente da República. Não farei da omissão um … More Carta de Princípios: «Serei prudente e rigoroso no uso dos meus poderes»