«O efeito Sampaio da Nóvoa»

11709496_962762123774120_5954701991480258247_n«(…) Invoco esta minha proximidade profissional com o propósito exclusivo de contribuir para o alargamento do debate sobre o sentido e os limites da participação cívica. Debate este que muitas mulheres e homens, jovens e velhos, em Portugal e no mundo, sentem e tomam hoje como absolutamente necessário para enfrentar a máquina de produção da vida triste que nos governa e nos atinge no coração de nós mesmos.

Refiro-me a uma economia da pobreza que está longe de se resumir à iniquidade da distribuição do dinheiro e do trabalho, o que já de si é trágico, mas que, na sua força totalizante e totalizadora, domina também as instituições, abatendo-se com o mesmo vigor sobre as relações que as pessoas estabelecem umas com as outras e até consigo próprias. Uma máquina que produz exclusão, segregação, confinamento, impotência e apagamento, que se encontra à vista de todos, mas cujos mecanismos ainda não compreendemos bem. Pelo desassombro da iniciativa e pela proveniência de António Sampaio da Nóvoa, a sua candidatura constitui um verdadeiro acontecimento cívico – pressiona fortemente as regras do jogo e os limites do discurso político tal como se apresentam hoje entre nós. (…)»

Para ler mais: http://www.publico.pt/politica/noticia/o-efeito-sampaio-da-novoa-1700296

[Fotografia de António Garrido]


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s